Bruna Tincani: O cuidado com o sono infantil

Por Bruna Tincani

O sono das crianças, principalmente quando estas ainda são bebes, preocupam a maioria das mães, uma vez que, elas próprias, não conseguem descansar adequadamente devido ao despertar constante dos pequenos. Quando mais velhos, as mães temem que a criança que dorme mal possa ter prejuízos no aprendizado escolar e também no crescimento. Mas porque as crianças – e adultos – precisam de uma boa noite de sono? Nós temos um ritmo interno de secreção hormonal que é regulado pela luz do dia e pelo momento de descanso, assim, quando uma pessoa dorme mal, ela desregula este chamado “ritmo circadiano”, o que ocasiona distúrbios como desatenção, aumento de peso e até depressão. Existem algumas dicas práticas para melhorar o sono infantil:

  • Alimentação: Você sabia que a alimentação pode afetar o sono do seu filho? Tudo que é ingerido vai dar energia para a criança. Alguns alimentos que as deixam muito excitadas são os que possuem cafeína e açúcar. Então evite refrigerantes, doces, chá mate, achocolatados e café após as 17h. Também tente não promover alimentações pesadas próximo ao horário de dormir (intervalo de pelo menos 1h seria o ideal). Isso acontece porque a taxa metabólica e a temperatura da criança aumentam durante as refeições, e o melhor para a hora do sono é que elas diminuam, ao invés de aumentar.

No caso dos bebês, após os 6 meses as crianças conseguem fazer intervalos de mamadas de 8-12 horas. Então via de regra os bebes não acordam por fome e, sim, por hábito. Evite oferecer leite na madrugada se seu filho estiver crescendo e ganhando bom peso. O jejum noturno é importantíssimo para ritmo circadiano.

  • Estimulo: O sono é o descanso do ser humano. Ou seja, ninguém fica dormindo o tempo todo, dorme melhor quem está cansado. Por isso, é recomendado atividade física regular para todas as faixas etárias. A atual recomendação da Organização Mundial da Saúde (OMS) é de pelo menos 1h por dia de exercício próprio para cada faixa etária, sendo brincadeiras lúdicas para os menores.
  • Ensinar a dormir sozinho: Se você tem hábito de, por exemplo, dormir sempre de lado com os travesseiros entre as pernas, quando acorda a noite, acaba automaticamente retomando a esta posição. O mesmo ocorre com as crianças: se o bebe dorme mamando, vai querer mamar a cada pequeno despertar; se começar a dormir sempre com os pais em seu quarto, vai chama-los quando acordar a noite.
  • Temperatura do quarto: vamos lembrar que as crianças geralmente não conseguem permanecer cobertas. Então escolha um pijama apropriado para o frio. E, nos dias quentes, pode ligar o ar-condicionado sem medo, basta ajustar o vento e temperatura para que a criança fique confortável sem precisar recorrer a coberta.

 

  • Higiene do sono: acorde a criança cedo (até as 08:30-09:00, mesmo nos finais de semana) para formar uma rotina. Evite dormir durante o dia ou ficar deitado na cama, ela é só para dormir a noite. Para regular a melatonina – hormônio do sono produzido pela pineal – o ideal é que os eletrônicos sejam desligados a noite, e que o quarto seja escuro.

 

Espero vê-los colocando em prática estas dicas. Bons sonhos!